Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BG_Beautifull Girl

Maquilhagem, Moda , Beleza e Lifestyle

Maquilhagem, Moda , Beleza e Lifestyle

19
Mar19

Lifestyle || Saber como sair da procrastinação

Ana Baião
 

 

5 conselhos para saber como sair da procrastinação

 

COMO SAIR DA PROCRASTINAÇÃO: 5 DICAS PARA COMEÇAR JÁ

1. CRIA O AMBIENTE ADEQUADO PARA TRABALHAR

Antes de começar a trabalhar, certifica-te de que tens tudo o que precisa para evitar interrupções com “idas e vindas” que o podem levar a adiar mais uma vez a tarefa. Cria o ambiente de trabalho ideal, se gostas de música, use-a para melhorar a produtividade, se preferes silêncio, garante que o vais ter.

ambiente de trabalho

2. ESTABELEÇE “MINI OBJETIVOS”

Um dos maiores inimigos da produtividade é o medo de falhar. A frustração da expectativa de dificuldade transforma-se em vontade de procrastinar. Mas vou mostrar-te como sair da procrastinação e anular ou atenuar este medo de falhar.

Imagina que vais participar numa maratona. Se decidires correr todos os quilómetros de enfiada, o teu objetivo está condenado ao fracasso. Sabes disso, não é? Logo, o ideal será treinar por fases.

Por isso, quando iniciar um projeto, não o vejas como uma empreitada de uma assentada só. Define os “mini objetivos” e o tempo que irás precisar para cada um deles até atingires a meta final.

3. FAZ UMA LISTA DE TAREFAS DIÁRIAS

Começa pelo mais importante e pelas tarefas mais complicadas, a tua determinação e vontade vai diminuindo ao longo do dia. Mas coloca apenas tarefas possíveis de realizar no prazo que definiste.

Uma forma de “programar” o teu cérebro para a vitória é colocar uma ou duas tarefas já feitas nesse dia antes de escrever efetivamente a lista.

planificacao de tarefasTt

4. DIVIDE O TEU TRABALHO EM BLOCOS DE TEMPO

Define o teu horário em blocos de tempo. Por exemplo, após duas horas de trabalho seguido, faz uma pausa de 10 a 15 minutos para tomar café, falar com colegas ou até dar uma vista de olhos às redes sociais.

Vê este intervalo como uma recompensa, até porque a produtividade, para ser efetivamente produtiva, também precisa de parar.

5. CONHEÇE-TE A TI MESMO

É a última, mas é a mais importante para saberes como sair da procrastinação. Já sabes o “casa gasta”, certo? Sabendo disso, podes programar a tua rotina e afazeres para as alturas mais apropriadas.

O principal passo nesta luta não é submetes-te à tortuosa disciplina. É criar o hábito de não procrastinar ou, pelo menos, reduzir o “deixar para amanhã” para níveis insignificantes e sem consequências. E criar/programar estes hábitos será bem mais fácil para si se souber identificar, por exemplo, os teus picos de concentração ou energia.

Espero que tenham gostado,
Até Breve.



17
Mar19

Beleza || The Ordinary - guia para escolher os melhores produtos

Ana Baião

Todos os produtos têm 30 ml e a apresentação varia entre frasco com conta-gotas e tubo.

2016-09-01-ORDINARY-GroupShot-xlarge_trans++wW7jQ1

 

Hidratante: Hyaluronic Acid 2% + B5, 100% Organic Cold-Pressed Moroccan Argan Oil, Natural Moisturizing Factors + HA, 100% Organic Cold-Pressed Virgin Marula Oil, 100% Plant-Derived Squalane

Oleosidade: Niacinamide 10% + Zinc 1%, Azelaic Acid Suspension 10%, Salicylic Acid 2%

Despigmentante: Ascorbyl Glucoside Solution 12%, Ascorbyl Tetraisopalmitate Solution 20% in Vitamin F, Magnesium Ascorbyl Phosphate 10%, Alpha Arbutin 2% + HA

Anti-envelhecimento: Advanced Retinoid 2%, Retinol 1%, Vitamin C Suspension 23% + HA Spheres 2%, 100% Organic Cold-Pressed Rose Hip Seed Oil, Matrixyl 10% + HA, “Buffet”

Esfoliante: Lactic Acid 5% + HA 2%, Lactic Acid 10% + HA 2%, Glycolic Acid 7% Toning Solution, AHA 30% + BHA 2% Peeling Solution

Contorno de olhos: Caffeine Solution 5% + EGCG, Argireline Solution

Primer: High-Adherence Silicone Primer, High-Spreadability Fluid Primer

 

Vitaminas e retinóides

 

Advanced Retinoid 2%

Ingredientes: retinol encapsulado, hidroxipinacolona retinoato (derivado do retinol)

Tipo de produto: emulsão

Funções: anti-envelhecimento

Como usar: à noite, antes dos hidratantes/óleos

Contraindicações: acne, utilização concomitante de outros derivados de retinol

Notas: Menor reactividade do que os restantes derivados retinóicos, ideal para peles que não toleram o retinol. A concentração destes derivados não pode ser comparada com a do retinol, uma vez que estas formas têm maior actividade do que o retinol. Assim, este produto será mais eficaz do que um retinol a 2%.

 

Retinol 1%

Ingredientes: retinol encapsulado

Tipo de produto: emulsão

Funções: anti-envelhecimento

Como usar: à noite, antes dos hidratantes/óleos ou diluído nestes para reduzir o potencial de efeitos adversos

Contraindicações: utilização concomitante de outros derivados de retinol

Notas: As leis europeias recomendam uma concentração de retinol não superior a 0.3% (razão pela qual essa é geralmente a concentração máxima que se encontra nos produtos). O retinol tem tendência a provocar mais efeitos adversos de sensibilização do que outros seus derivados, por isso a recomendação será sempre que se utilizem os derivados.

 

Niacinamide 10% + Zinc 1%

Ingredientes: niacinamida e zinco

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: regulador da produção sebácea

Como usar: manhã e/ou noite, antes dos hidratantes/óleos

Contraindicações: produtos com Vitamina C

 

Vitamin C Suspension 23% + HA Spheres 2%

Ingredientes: ácido L-ascórbico em pó, ácido hialurónico em esferas

Tipo de produto: suspensão (sérum denso)

Funções: antioxidante (prevenção do envelhecimento), luminosidade

Como usar: à noite, depois dos produtos aquosos

Contraindicações: produtos com niacinamida

Notas: Devido à concentração elevada de Vitamina C, é normal uma sensação de formigueiro no rosto nas primeiras semanas de aplicação - este produto pode ser misturado com o hidratante ou óleo. Por ser uma suspensão, é normal que a textura não seja regular.

 

Ascorbyl Glucoside Solution 12%

Ingredientes: ascorbil glucósido (derivado da Vitamina C)

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: despigmentante, anti-oxidante

Como usar: manhã e noite, antes dos hidratantes/óleos

 

Ascorbyl Tetraisopalmitate Solution 20% in Vitamin F

Ingredientes: ascorbil tetraisopalmitato (derivado da Vitamina C) e Vitamina F

Tipo de produto: solução oleosa

Funções: despigmentante, antioxidante 

Como usar: manhã e(ou noite, depois dos produtos aquosos

Notas: para peles muito propensas a reactividade, esta é a forma que geralmente provoca menos hiperreactividade na pele

 

Magnesium Ascorbyl Phosphate 10%

Ingredientes: magnésio ascorbil fosfato

Tipo de produto: emulsão (creme fluído)

Funções: despigmentante

Como usar: manhã e noite após séruns aquosos

Notas: forma da Vitamina C com maior actividade despigmentante

 

Ácidos

Lactic Acid 5% + HA 2% e Lactic Acid 10% + HA 2%

Ingredientes: ácido láctico e ácido hialurónico

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: esfoliante

Como usar: à noite antes de hidratantes/óleos

Contraindicações: pele sensível, pós-peeling dermatológico

Notas: juntei ambos porque apenas diferem na concentração de ácido láctico, ao iniciar deve começar-se pela concentração mais baixa e pode misturar-se com o hidratante para reduzir o desconforto

 

Azelaic Acid Suspension 10%

Ingredientes: ácido azelaico

Tipo de produto: gel-creme

Funções: uniformizar o grão da pele, luminosidade, reduzir a aparência de comedões, rosácea

Como usar: à noite após soluções aquosas

 

Alpha Lipoic Acid 5%

Ingredientes: ácido alfa-lipóico

Tipo de produto: solução anidra (sem água - pode parecer oleoso na aplicação)

Funções: anti-envelhecimento, antioxidante

Como usar: 2 gotas 2-3x/semana à noite, antes dos hidratantes/óleos (não ultrapassar esta quantidade)

Contraindicações: utilizar durante o dia, ultrapassar a aplicação recomendada

Notas: esta é uma concentração muito elevada de ácido alfa-lipóico, pelo que pode causar queimadura ou sensação de picadas no rosto. Nunca usar durante o dia e não expor o frasco à luz solar, pois é rapidamente degradado. Não ultrapassar a aplicação máxima recomendada.

 

Glycolic Acid 7% Toning Solution

Ingredientes: ácido glicólico a 7%, aloé vera, ginseng, Drimys lanceolata

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: anti-envelhecimento, esfoliante

Como usar: à noite, como tónico antes dos hidratantes/óleos

Contraindicações: pele sensível, pele pós-peeling, pele com integridade comprometida

Notas: usar sempre protector solar de dia enquanto se usa este produto

 

AHA 30% + BHA 2% Peeling Solution

Ingredientes: mistura de AHA a 30% (ácido glicólico, láctico, tartárico e cítrico), 2% ácido salicílico, ácido hialurónico, Drimys lanceolata

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: anti-envelhecimento, peeling intensivo

Como usar: à noite 1x/semana em pele limpa, retirar ao fim de 10 min no máximo

Contraindicações: pele sensível, pele pós-peeling, pele com integridade comprometida

Notas: esta é uma concentração que se aproxima de peelings de grau médico, pelo que só recomendo mesmo que seja usada por quem já fez peelings em gabinete

 

Salicylic Acid 2%

Ingredientes: 2% ácido salicílico, hammamélis

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: esfoliante, controlo de pele acneica

Como usar: manhã e noite, nos locais com borbulhas, antes dos hidratantes/óleos

Contraindicações: pele seca, pele sensível

Notas: usar protecção solar

 

Hidratantes e óleos

 

Hyaluronic Acid 2% + B5

Ingredientes: ácido hialurónico e pantenol

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: hidratante

Como usar: manhã e noite, antes dos hidratantes/óleos

 

100% Organic Cold-Pressed Rose Hip Seed Oil

Ingredientes: óleo de rosa mosqueta

Tipo de produto: óleo

Funções: regenerador, anti-envelhecimento (reduz os sinais de foto-envelhecimento)

Como usar: qualquer altura do dia, no fim da rotina

 

100% Organic Cold-Pressed Moroccan Argan Oil

Ingredientes: óleo de argão

Tipo de produto: óleo

Funções: nutritivo

Como usar: aplicar no fim da rotina diária na pele, aplicar em cabelo molhado

 

100% Organic Cold-Pressed Virgin Marula Oil

Ingredientes: óleo de marula

Tipo de produto: óleo

Funções: nutritivo, antioxidante

Como usar: aplicar no fim da rotina diária na pele, aplicar em cabelo molhado

 

High-Adherence Silicone Primer

Ingredientes: dimeticone

Tipo de produto: primer de maquilhagem

Funções: melhorar a aderência da maquilhagem, disfarçar tamanho dos poros

Como usar: último passo na rotina da manhã, antes da maquilhagem

 

High-Spreadability Fluid Primer

Ingredientes: dimeticone, ciclopentasiloxano

Tipo de produto: primer de maquilhagem

Funções: melhorar a aderência da maquilhagem, evitar acumulação de maquilhagem

Como usar: último passo na rotina da manhã, antes da maquilhagem

 

Natural Moisturizing Factors + HA

Ingredientes: aminoácidos, ácidos gordos, triglicéridos, ureia, ceramidas, fosfolípidos, glicerina, PCA de sódio, ácido hialurónico

Tipo de produto: emulsão

Funções: hidratante não oleoso

Como usar: aplicar após séruns

 

100% Plant-Derived Squalane

Ingredientes: esqualano de origem vegetal

Tipo de produto: óleo

Funções: emoliente e hidratante para rosto, protege o cabelo do calor e evita a quebra

Como usar: aplicar após séruns, aplicar em cabelo molhado

 

Outras Moléculas

 

Matrixyl 10% + HA

Ingredientes: Matrixyl 3000, Matrixyl Synthe'6 e ácido hialurónico

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: anti-envelhecimento (anti-rugas)

Como usar: manhã e noite antes de hidratantes/óleos

 

Alpha Arbutin 2% + HA

Ingredientes: alfa-arbutina e ácido hialurónico

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: despigmentante

Como usar: manhã e noite antes de hidratantes/óleos

 

“Buffet”

Ingredientes: Matrixyl 3000, Matrixyl Synthe'6, Syn-Ake, Relistase, Argirelox, complexo de probióticos, aminoácidos e ácido hialurónico

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: anti-envelhecimento global

Como usar: manhã e noite após limpeza

 

Caffeine Solution 5% + EGCG

Ingredientes: cafeína, epigalocatequina galactil glucósido

Tipo de produto: solução aquosa

Funçõesanti-olheiras e papos

Como usar: manhã e noite após limpeza na zona do contorno dos olhos

 

Argireline Solution

Ingredientes: acetil hexapéptido 3

Tipo de produto: solução aquosa

Funções: anti-rugas para o contorno dos olhos

Como usar: manhã e noite após limpeza na zona do contorno dos olhos

 

Esspero que tenham gostado,
Até Breve

16
Mar19

Maquilhagem || Base em pó

Ana Baião

Fazer a escolha certa na hora de comprar a base em pó mais apropriada para o teu tom de pele pode não ser uma tarefa fácil. É importante conheceres bem o teu tipo de pele, para definires, então, qual o produto mais indicado e o que garantirá melhores resultados.

Toma nota de algumas dicas para conheceres a tua pele e escolher a melhor base em pó:

  • Se a tua pele for oleosa, opta por produtos mais secos, livres de óleos e hidratantes;
  • Se a tua pele for mista, poderás optar por bases livres de óleos, mas é imprescindível que coloques sempre um primer antes da aplicação;
  • Se a tua pele for seca, então deverás eleger uma base muito hidratante, pois ajudará a evitar a sensação e o aspeto de pele seca e quebrada.

TUDO SOBRE A BASE EM PÓ

 

COMO ESCOLHER A COR DA BASE EM PÓ

base em pó

Em relação à cor certa da tua base em pó, há vários truques que podes seguir para escolher o tom perfeito, para conseguir um ar tão natural que ninguém perceberá que estás a usar maquilhagem:

  • A tonalidade deve corresponder à cor do rosto, que é sempre mais clara que a pele do resto do corpo;
  • Deverá sempre testar o produto no rosto, nas bochechas, queixo e maxilar;
  • Não experimentes a base na mão, pois a cor da pele nessa região é diferente do rosto;
  • O ideal é fazer uma primeira aplicação de teste e durante algumas horas perceber se além do tom, a sensação provocada pela aplicação da base é adequada.

COMO APLICAR A BASE EM PÓ

base em pó

1. LIMPAR O ROSTO

Não basta lavar a cara com água, convém sempre usares um tónico que ajude a eliminar todas as impurezas – quer antes, quer depois do uso de maquilhagem.

2. APLICAR HIDRATANTE

Com os dedos, espalha creme hidratante por todo o rosto, para manter a pele macia e suave. Este passo ajudará, também, a fixar melhor – principalmente a base em pó.

3. APLICAR PRIMER

Basta um pouco de primer, para ajudar a preencher os poros grandes e as linhas finas,e mantendo a maquilhagem por mais tempo.

4. APLICAR O CORRETOR

No caso da base em pó, o corretor deve ser aplicado primeiro, sob pena de o pó eliminar a sua presença e atenuar a tonalidade.

5. COLOCAR A BASE EM PÓ

Deves usar um pincel para pó ou uma esponja de maquilhagem adequada. Se for uma base em pó compacta, basta passar a esponja ou o pincel e espalhar no rosto. Porém, se for uma base solta, deves mergulhar o pincel no pó e, depois, bater levemente para sacudir o excesso de produto.

6. ESPALHAR A BASE EM PÓ

Começa por colocar a base no centro do rosto, seguindo-se as laterais do nariz e em direção aos lados do rosto. Depois, aplica na testa, do centro para as linhas do cabelo. Também deves aplicar base no queixo e ao longo da mandíbula, sempre de dentro para fora e fazendo uma ligeira curva ascendente.

O objetivo da aplicação da base em pó, líquida ou creme, é a uniformização da pele, permitindo um tom homogéneo e natural. 

 

Espero que tenha gostado,
Até Breve.

14
Mar19

Lifestyle || Ganhar o hábito de ler mais

Ana Baião

Ninguém nega os benefícios da leitura, mas para criar o hábito, é preciso estimular essa atividade.

850_400_110335-woman-reading-book-on-bed-at-home_1

O hábito de leitura traz benefícios infindáveis para a saúde e bem-estar, não só momentaneamente, mas sobretudo a longo prazo, ao proporcionar o desenvolvimento da imaginação e a possibilidade de criação de referências. E nunca é tarde para começar a ler mais.

ESCOLHE BEM

Não estabelecer limites parece ser uma regra de ouro. Se queres desenvolver uma genuína paixão pela leitura, escolhe bem o que queres ler. Seja por sugestão de um amigo ou colega de trabalho, porque o livro está na lista dos mais vendidos na livraria preferida… O que interessa é começar por algum lado. 

LER MAIS DE UM LIVRO AO MESMO TEMPO

Tens uma lista de leitura à espera de terminar um livro que já não ap te etece tanto ler, mas não consegues avançar para outro sem encerrar esta leitura? Se és uma leitora mais linear, pode custar um pouco, mas uma boa estratégia para ler mais é ler mais de um livro ao mesmo tempo. Tem um livro na casa de banho, ao pé da cama, na sala, na mala… Tem sempre um livro à mão (não precisa ser o mesmo). Assim, estarás sempre a ler e vai ver que a tua lista anual de livros vai aumentar consideravelmente.

ESTABELEÇE UMA HORA DE LEITURA

Decide uma hora sem distrações. Esta é, talvez, a maior dificuldade para quem quer começar a ler mais, principalmente no meio da correria do dia-a-dia.

TEM LIVROS EM CASA

Ter livros, revistas e jornais em casa ajuda a aumentar a probabilidade de pegar mais vezes num livro para ler. Isto porque o simples facto de os livros existirem em vários pontos da casa fará com que sintas curiosidade em abri-los, lidar com eles, familiarizarem-se com diversos tipos de escrita, descobrir-lhes segredos e características.

LEVA SEMPRE UM LIVRO CONTIGO

Torna a leitura uma atividade diária. Leva sempre um livro de bolso na carteira assim podes ocupar os momentos de pausa do dia com a leitura: enquanto esperas no consultório médico, numa repartição pública, nos transportes públicos, na praia.

TROCA O TELEMÓVEL POR UM LIVRO DE BOLSO

Quantos minutos por dia passas a percorrer os feeds do instagram, facebook e outras redes sociais? A vantagem de ter sempre um livro à mão é que podes mais facilmente substituir o smartphone. Se queres mesmo começar a ler mais, pode ser uma solução cortar o pacote de dados móveis. Afinal, sem internet o telemóvel já não tem a mesma piada.

COMPRA UM KINDLE OU TABLET

As versões de livros digitais são muito mais baratas e fáceis de carregar. Assim, podes ter vários livros ao mesmo tempo à mão, quando não apetecer ler um, pode ler outros e assim a leitura não fica parada. Além disso, o kindle é leve e fácil de transportar.

Espero que tenham gostado,
Até Breve

BeautifullGirl



12
Mar19

Lifestyle|| Mau humor matinal: conselhos para acabar com ele!

Ana Baião

O mau humor matinal é muito comum, difícil de resolver e pode afetar a nossa produtividade e felicidade ao longo de todo o dia. Descobre aqui como acabar com ele!

 
Mau humor matinal: 6 conselhos para acabar com ele!


Acabaram-se as desculpas para acordar mal disposto

PORQUE É QUE ALGUMAS PESSOAS TÊM MAU HUMOR MATINAL?


mau humor matinal

O mau humor matinal está associado ao período transitório de sonolência, que dura entre 5 e 20 minutos depois de acordar, embora em algumas pessoas se possa prolongar por mais algum tempo.

Mas a verdade é que, apesar desta fase de sonolência após o acordar, há pessoas que acordam bem-dispostas, alegres e cheias de vontade de enfrentar o dia. Provavelmente, pessoas com bom humor matinal sentem-se descansadas o suficiente quando o despertador toca ou não estão ansiosas pelo dia de trabalho que as espera.

Então porque é que nem todos temos essa capacidade? Algumas hipóteses avançadas defendem que o mau humor matinal pode estar associado ao cansaço, às noites mal dormidas ou pura e simplesmente a personalidades com tendência a uma atitude menos positiva perante o dia que inicia.

Assim, apesar da rabugice matinal habitualmente ser apenas uma forma de nos queixarmos da nossa vida tão programada, à falta de horas de sono e de atividades prazerosas, importa ter cuidado quando esta situação acontece devido a uma incapacidade constante e persistente de ver algo bom no dia que temos pela frente, e aí podemos estar perante uma depressão.

O MAU HUMOR MATINAL PODE AFETAR O DIA INTEIRO

Aqueles que começam o dia de forma calma e feliz tendem a manter-se nesse estado de espírito durante o resto do dia. Por sua vez, aqueles que acordam com mau humor matinal podem terminar o dia ainda com pior humor.

Alguns estudos avançam a hipótese do nosso humor matinal interferir com a nossa produtividade a nível profissional, sobretudo em empregos que implicam o atendimento ao público. Pessoas bem-humoradas apresentam melhores taxas de produtividade e têm um atendimento ao cliente de qualidade superior.

COMO ACORDAR COM BOM HUMOR


acabar com mau humor matinal

Não importa se é segunda-feira ou domingo, se dormimos tanto quanto queríamos ou não, uma atitude positiva perante o dia que inicia é sempre importante e benéfico. Mas como conseguimos acabar com o mau humor matinal?

Durme bem: dormir o número de horas necessárias contribui para o bem-estar físico e mental;

Inviste no teu quarto: o ambiente deve ter uma temperatura amena e ser silencioso para permitir o repouso; um quarto visualmente agradável também pode ajudar a acordar mais bem-disposto;

Toma um bom pequeno-almoço: a fome atrai o mau-humor;

Deixa tudo pronto no dia anterior: se para ti é aborrecido escolher a roupa e preparar tudo de manhã quando está em cima da hora, deixa tudo pronto de antemão para que possas despertar com mais calma;

Lembre-te das coisas boas que aconteceram no dia anterior: vai aumentar a tua sensação de bem-estar; mantêm o foco nas coisas positivas;

Torna a tua rotina mais interessante: o teu dia não deve ser preenchido apenas com preocupações e obrigações; envolve-te em tarefas que te tragam prazer; começar o dia de trabalho com tarefas calmas também pode ajudar a ambientas-te gradualmente ao ambiente do emprego que pode ser naturalmente mais stressante.

Espero que tenham gostado,
Até Breve.
Beautifull Girl


10
Mar19

Lifestyle || Livro " Ser Blogger "

Ana Baião

Resultado de imagem para ser blogger

 

Os avanços tecnológicos vieram permitir a emergência de um novo tipo de influenciadores: os bloggers. Hoje em dia as pessoas recorrem cada vez mais a bloggers como fonte de informação e referência sobre um determinado produto, serviço ou empresa. Segundo dados do Bareme/Marktest, cerca de 1,8 milhões de pessoas visitam com frequência blogs em Portugal.

Ensinar como criar um blog, comunicar e gerar receitas é o objectivo principal deste livro que pretende reunir toda a informação essencial necessária para quem se pretende iniciar como blogger, elaborar a sua estratégia e pô-la em prática eficazmente. A perspectiva é de duas profissionais das áreas do marketing e da comunicação que ao longo das suas carreiras têm vindo a acompanhar de perto a blogosfera, não só na relação próxima com bloggers mas também na vertente de como pode um blogger gerar receitas com um blog.

Este livro para além de ser um facilitador na definição e orientação de quem quer ser blogger, proporciona também diversas soluções práticas e exemplos de "best practices" com testemunhos de alguns bloggers de relevo em diversas áreas em Portugal.

Posso dizer que quando comprei este livro ja tinha o blogue pelo menos há 1 ano, e começei a lê-lo de forma aleatória pois tinha algumas dúvidas que precisava de resposta rápida, mas pouco tempo de depois começei então a  ler o livro do ínicio.
Gostei da linguagem simples que tornou a aprendizagem fácil e fluida, nunca deixando de lado conselhos e cuidados a ter para aqueles que querem criar o seu espaço na internet.

O livro está muito bem estruturado e aborda vários temas que são essenciais para qualquer aspirante a blogger.

Aprendemos logo no primeiro capítulo as bases deste mundo novo: que tipos de blogues existem, o seu impacto, motivações e histórias de sucesso entre outros pontos básicos.

Cada capítulo é um passo importante para os mais inexperientes nestas andanças (sim estou-me a olhar ao espelho), mas ainda assim existem alguns bons conselhos para os mais veteranos. Quando eu for veterano de certeza que ainda irei encontrar aqui alguma achega para melhorar.

As autoras dão-nos dicas para quase tudo desde como escolher o nome, o design, a mensagem, a plataforma (abordando prós e contras de cada uma). Como comunicar, importância do vídeo e da fotografia, utilização das redes sociais são outros dos temas desenvolvidos e que em muito podem contribuir para o crescimento do blogue enquanto marca.

Mais para o final a rentabilização e a análise de dados mostram-nos a parte mais técnica, mas sempre com exemplos e sugestões de bloggers que já trilham este caminho da internet há alguns anos.

Este livro foi uma grande ajuda e se por acaso (ironia) ainda cometo erros infantis, a culpa é minha e não é por falta de informação. Somos orientados por este duo até na forma como gerimos expectativas e definimos sucesso.

Recomendo a todos quantos queiram ou sintam vontade de ter um blogue. Também é um bom livro para se perceber que todos os blogues que aí andam com sucesso não são obra do acaso e dão muito trabalho e tem muitas horas de dedicação para estarem nos patamares em que se encontram e com tantos seguidores, lá está, a segui-los nas mais variadas redes sociais

Espero que tenham gostado,

Até Breve.

Beautifull Girl

09
Mar19

Maquilhagem || Bases de alta cobertura para uma pele perfeita

Ana Baião

Já ouviste falar em bases de alta cobertura, mas não sabes se elas se adequam ao teu tipo de pele? Vou explicar-te tudo e, ainda, indicar quais as melhores.

 
5 bases de alta cobertura para uma pele perfeita

 

As bases de alta cobertura não podem ser utilizadas em todos os tipos de pele. Se estás à procura da base perfeita, deves conhecer primeiro qual é o seu tipo de pele. Por exemplo, quem tem a pele sensível ou com rugas não deve usar a mesma base que uma pessoa com pele mista ou oleosa; assim como quem tem pele seca, não deve usar a mesma base de alguém com tendência a ter acne. É, por isso, de primordial importância que percebas primeiro qual o teu tipo de pele e, só depois, escolher a base mais adequada.

PARA QUEM SÃO INDICADAS AS BASES DE ALTA COBERTURA?


aplicar bases

As bases de alta cobertura são indicadas para quem tem manchas na pele, marcas de acne, pele acneíca, cicatrizes, marcas e imperfeições e que deseja disfarçar. Vê algumas indicações de tipos de bases para cada perfil de pele:

 
  • Pele com tendência a ter acne: as bases ideais são as bases de cobertura média a alta;

  • Pele com manchas: as bases de alta cobertura são as mais indicadas;

  • Pele com rugas: as bases líquidas de cobertura leve ou um creme hidratante colorido funcionam muito bem e proporcionam à pele uma aparência mais jovem;

  • Pele seca: as bases hidratantes de cobertura baixa ajudam a cuidar deste tipo de pele, ao longo do dia;

  • Pele oleosa e mista: as bases de cobertura média a total são as mais adequadas para este tipo de pele, pois ajudam a cobrir o brilho oleoso da pele.

  • Pele sensível: as bases naturais ou sem álcool e de cobertura baixa são as mais indicadas para este tipo de pele;

  • Pele normal: as bases de cobertura baixa a média farão um excelente trabalho em peles normais.

BASES DE ALTA COBERTURA: TOP 5


Depois de perceberes que as bases de alta cobertura são adequadas para quem tem peles com tendência a ter acne, peles mistas ou oleosas, chegou a hora de escolher entre as melhores bases de alta cobertura do mercado. Vamos espreitá-las?

1.ESTÉE LAUDER DOUBLE-WEAR STAY-IN-PLACE MAKEUP

Se procuras uma base de alta cobertura de longa duração que seja leve, a base Double Wear da Estée Lauder é uma opção adequada. Esta base é apresentada numa elegante garrafa de vidro com uma tampa dourada. É confortável para usar durante todo o ano e, até, durante a prática de exercício físico, sem mudar de cor, desbotar ou passar para a roupa. Não vais sentir a sua pele pesada e ainda tem a vantagem de ter FPS 10, acabamento sem brilho e proteção contra os agressores ambientais.

Resultado de imagem para ESTÉE LAUDER DOUBLE-WEAR STAY-IN-PLACE MAKEUP

Preço: 40,45€. Ver produto >>

 

2.FENTY BEAUTY PRO FILT’R SOFT MATTE LONGWEAR FOUNDATION

Da linha de cosméticos Fenty Beauty by Rihanna, chega esta espetacular base de cobertura total e longa duração que é super fácil de usar. Apresentada numa garrafa de vidro fantasia, com dispensador em bomba, a Pro Filt’r Soft Matte Longwear Foundation oculta as zonas problemáticas do rosto que têm manchas, cicatrizes de acne e vermelhidão, deixando a pele impecável. Funciona bem para pele normal a mista e, também, para pele oleosa. Disponível em 40 tons, esta base tem também ótimas tonalidades para tons de pele escuras.Resultado de imagem para FENTY BEAUTY PRO FILT’R SOFT MATTE LONGWEAR FOUNDATION

Preço: 34,90€. Ver produto >>

 

3.MILANI CONCEAL + PERFECT 2-IN-1 FOUNDATION + CONCEALER

Esta base líquida de cobertura total aplica-se perfeitamente sobre o rosto, oferecendo uma aparência impecável e mate. A Milani Conceal + Perfect 2-In-1 Foundation + Concealer reduz ainda a necessidade de usar um corretor em separado. A sua fórmula ricamente pigmentada requer apenas uma camada para uma pele naturalmente aperfeiçoada. É resistente à água e cobre tudo, desde manchas e vermelhidão, até olheiras e imperfeições.

Resultado de imagem para MILANI CONCEAL + PERFECT 2-IN-1 FOUNDATION + CONCEALER

Preço: 14€. Ver produto >>

 

4.HUDA BEAUTY #FAUXFILTER FOUNDATION

FauxFilter da Huda é uma base cremosa de alta cobertura que esconde não só os pequenos defeitos da pele, como também a hiperpigmentação do pelo. Altamente concentrada em pigmentos ultrafinos, a FauxFilter funde-se com a pele e esconde manchas, cicatrizes, hiperpigmentação e vermelhidão instantaneamente. Tem uma textura cremosa e desvanece-se facilmente, sem efeito de demarcação. É, no fundo, uma base de alta cobertura que se torna como que uma segunda pele.

Resultado de imagem para HUDA BEAUTY #FAUXFILTER FOUNDATION

Preço: 39,95€. Ver produto >>

 

5.KAT VON D LOCK-IT FOUNDATION

Esta super base líquida da Kat Von D é a arma secreta de Kat para uma pele uniformizada como uma tela. Apenas uma pressão é suficiente para uniformizar a pele, pondo fim ao brilho e fazendo desaparecer os traços. A Lock-It Foundation é constituída por 21% de pigmentos para uma cobertura total, sem transferência, e uma duração extrema. Se procura uma pele uniforme, sem imperfeições, esta é a sua arma secreta. Para maximizar os resultados, prepare a sua pele com o Lock-it Hydrating Primer da mesma marca, que vai conferir mais conforto e uma melhor aplicação da sua base de cobertura total. E mais um truque? Se quer menos cobertura, pode adicionar uma gota de primer Lock-It à base da mesma gama, antes da sua aplicação e verá o magnífico resultado.

Resultado de imagem para KAT VON D LOCK-IT FOUNDATION

Preço: 35,55€. Ver produto >>

 

Espero que tenham gostado,

Até Breve.

Beautifull Girl

08
Mar19

Beleza || Sobrancelhas microblading: Tudo o que precisas saber

Ana Baião

As sobrancelhas microblading podem ser a solução para conseguires um look mais cuidado, natural e, até, mais jovem. Trata-se de uma técnica de beleza inovadora e que traz grandes vantagens. Se as tuas sobrancelhas apresentam falhas, são demasiado finas ou têm imperfeições, sabe como as sobrancelhas microblading podem ser a resposta para os teus problemas.

SOBRANCELHAS MICROBLADING: RESPOSTA A 5 PERGUNTAS

 

microblading

1. O QUE É O MICROBLADING?

microblading é uma técnica moderna e inovadora que consegue camuflar falhas estéticas, pequenas imperfeições ou engrossar as suas sobrancelhas. Semelhante à maquilhagem semi-permanente, esta técnica faz uso de uma espécie de caneta em que a cabeça é constituída por agulhas minúsculas que conseguem chegar à derme, deixando um pigmento com um efeito extremamente natural. Os desenhos deixados pelo microblading são muito finos e assemelham-se, por isso, ao pelo natural, deixando-a com um look muito bonito e rejuvenescido.

A diferença entre a técnica usada na maquilhagem semi-permanente e o microblanding prende-se, precisamente, com o tamanho das agulhas que, neste caso, são tão finas que a pigmentação deixada na pele é muito precisa e produz um efeito natural.

2. É DOLOROSO?

Esta técnica é praticamente indolor – ou, pelo menos, tem um nível de dor bastante tolerável -, embora a perceção da dor varie, obviamente, de pessoa para pessoa. Se já fizes-te uma tatuagem ou maquilhagem semi-permanente, fica a saber que o microblading é muito menos doloroso, uma vez que as agulhas usadas nesta técnica são, como já disse, extremamente finas. Além disso, durante as sessões, é sempre aplicado um creme ligeiramente anestésico que reduz qualquer sensação de dor ou desconforto.

3. QUANTAS SESSÕES SÃO NECESSÁRIAS?

Para que o resultado seja ótimo, o ideal é fazer duas sessões de microblading que devem ter um espaçamento de um mês entre cada uma. O efeito deve durar até 3 ou 5 anos e é necessário fazer pequenos retoques anualmente. Assim, garante que o resultado está sempre bonito e natural.

4. É CARO?

Esta técnica tem um preço moderado, quando comparado com os resultados que apresenta. Além disso, ele também varia de clínica para clínica. Normalmente, o valor da primeira sessão ronda os 150€, sendo que as sessões de retoque seguintes são sempre mais baratas, devendo custar cerca de um terço do preço inicial.

5. ONDE FAZER?

Antes de tomares a decisão de melhorar a tua aparência com esta técnica, deves lembrar-te que o microblading é feito à mão e, por isso, deve confiar no técnico que te for fazer o tratamento. Assim, é fundamental que te dirijas a uma clínica onde os técnicos são especializados não só em estética, mas particularmente em microblading. É o teu rosto que está em causa, por isso não tenhas qualquer problema em fazer perguntas e pedir as credencias dos técnicos. Os bons técnicos e com certificação especializada não terão qualquer problema em facultar-lhe todas essas informações.


Espero que tenham gostado,
Até Breve.

BeautifullGirl

06
Mar19

Beleza || Ácidos para a beleza da pele

Ana Baião
Ácidos para a beleza da sua pele!
 

Já fizeste algum  tratamento com ácidos? Sabes o efeito que eles causam na pele? Dependendo do princípio ativo e da concentração utilizada, os ácidos podem ajudar a rejuvenescer, eliminar manchas, clarear a pele e combater a produção excessiva de óleo.

 

A principal função dos ácidos é esfoliar a pele e descamar, como se fosse uma “troca de pele”. Assim, elimina as células mortas prevenindo cravos e espinhas e combatendo os já existentes. Os ácidos atuam na derme estimulando a produção de fibras colágenas e elásticas, deixando uma textura mais firme, suavizando rugas superficiais e, em alguns casos, até eliminando manchas escuras da pele.

Tipos de ácidos

  • Fítico: antioxidante e clareador, encontrado nas sementes das plantas e nos grãos de alguns cereais.

  • Bórico: tem função antisséptica e aparece nas formulações de loções tônicas e adstringentes.

  • Fenol: através de um peeling profundo, combate os sinais extremos de envelhecimento. É dolorido e para a sua aplicação é necessária anestesia local.

  • Hialurônico: está presente naturalmente em nosso organismo, enrijecendo e amaciando a pele. A partir dos 30 anos de idade, sua produção cai e a reposição se faz necessária através de cremes manipulados.

  • Málico: extraído da maçã, deixa a pele viçosa, clareia manchas e atenua rugas. É encontrado em cremes industrializados ou manipulados.

  • Mandélico: esfoliante e clareador ameniza poros abertos e pode ser utilizado em peelings ou cremes.
  • Resorcina: usado em cremes ou peelings, é indicado para tratamentos de acne.

  • Ácido Tricloroacético (ATA): Usado em peelings, retira a camada superficial da pele dando lugar a uma nova. Tem efeito agressivo, criando uma crosta que permanece por cerca de dez dias, para depois surgir uma nova, bastante vermelha e sensível. É preciso fugir do sol por três meses.

  • Azeláico: ácido responsável para clarear sardas e melasmas (manchas do sol).

Ácidos Mais Utilizados

 

Ácido Retinóico

Derivado da vitamina A, é considerado o mais eficaz para combater o fotoenvelhecimento e a acne, conferindo maior firmeza e elasticidade à pele. Seu grande trunfo é tratamento da acne, do envelhecimento pela ação do sol e de estrias recentes. Utilizando antes dos peelings, afina e uniformiza a pele, facilitando a penetração da substância escolhida para o procedimento.

É recomendado em peelings no inverno ou em cremes de uso noturno. Inicialmente, deixa a pele descamada e vermelha e é necessário proteger-se contra o sol usando FPS acima de 15.

Ácido Glicólico

É extraído da cana-de-açúcar e tem grande poder de rejuvenescimento, agindo como esfoliante químico. Pode ser usado no verão e aparece em cremes ou peelings. Além de seus poderes hidratantes, promove uma leve esfoliação da camada superficial da pele. Com isso, facilita sua própria penetração e a de outras substâncias. Também acelera a renovação celular, deixando a pele mais lisa e uniforme. Trata manchas e cicatrizes de acne, mas sua indicação principal é o foto-envelhecimento e hidratação do rosto e corpo.

Pode causar irritação em pessoas predispostas, alérgicas ou com pele sensível. O fato de não reagir com o sol não deve ser usado como pretexto para ir tomar sol. Pela sua ação esfoliante, a pele se torna mais sensível e fina, suscetível, portanto, a manchas e irritações. Antes de se expor ao sol, é preciso lavar o rosto, retirar completamente o ácido e passar um protetor solar acima de FPS15.

Ácido Kójico

O Ácido kójico é uma substância produzida por um cogumelo japonês chamado Koji, que é usado também na fermentação do arroz.

 

A vantagem do ácido kójico é que ele não é fotossensível, ou seja, não mancha se a pele é eventualmente exposta ao sol. Por isso pode ser usado inclusive durante o dia. Além do seu efeito despigmentante, o ácido kójico também atua como antisséptico, impedindo a proliferação de fungos e bactérias na pele.

Ele também tem ação antioxidante, ajudando na prevenção do envelhecimento cutâneo e pode ser usado em formulações junto com ácido glicólico, vitamina C, entre outros ativos. A principal desvantagem é por ele ser menos potente do que a hidroquinona como clareador, e por isso os resultados costumam levar mais tempo para aparecer.

Hidroquinona

A hidroquinona é o ingrediente ativo mais prescrito pelos médicos dermatologistas para tratar manchas na pele. Mas ela não é bem tolerada: várias pessoas tem alergia com esse ácido.

A hidroquinona é bastante eficaz no combate às manchas na pele e continua sendo bastante prescrito, seja em produtos prontos ou em manipulados.

A hidroquinona age diretamente nos melanócitos, dificultando a reação química de formação da melanina (responsável pela pigmentação da pele). Isso ao mesmo tempo que degrada as bolsas que guardam a melanina dentro das células — tendo, portanto, ação dupla.

A ação da hidroquinona é lenta e os resultados costumam começar a aparecer apenas após 2 meses de uso diário do produto. É muito importante manter uma proteção intensa contra o calor e sol, já que a hidroquinona deixa a pele mais sensível.

 

Cuidados com os Ácidos

Ácidos para a beleza da sua pele!
 

Como os ácidos deixam a pele mais fina, ela fica mais vulnerável à ação dos raios ultravioletas do sol. Portanto, quem está fazendo o tratamento com ácidos é sempre orientado a proteger a pele do sol constantemente, utilizando filtros solares com alto fator de proteção no seu dia-a-dia.

Quem não está disposto a evitar o sol (ficar na praia exposto ao sol forte, por exemplo), não deve fazer estes tratamentos. Querer tratar a pele sem abrir mão de se queimar ao sol é uma contradição, pois é a radiação solar a principal responsável pelo envelhecimento.

Se as exigências com a proteção solar forem respeitadas, os tratamentos com ácidos não levam ao envelhecimento, muito pelo contrário.

Meninas, se sofrem com problemas de manchas na pele, protejam-se sempre! Usar protetor solar diariamente é fundamental!

É interessante também evitar produtos à base de soja que contenham fitoestrógenos — os hormônios podem agravar o problema.

Como existe uma grande variedade de agentes clareadores, é essencial consultar um médico dermatologista já que o tratamento é longo e difícil. É fundamental uma avaliação precisa da sua pele antes de aplicar qualquer produto.


Espero que tenham gostado,
Até Breve.

Beautiful Girl

03
Mar19

Beleza|| O teu tipo de pele e quais os cuidados a ter

Ana Baião

A nossa pele sofre agressões diariamente. Vê qual o teu tipo de pele e os cuidados a ter para a manter saudável e bonita.

Queres comprar um produto, mas não sabes o teu tipo de pele? Não te preocupes. Nas descrições abaixo, encontrarás a informação necessária.

São várias as funções da pele no organismo: excretora, termorreguladora, protetora e sensorial. Por isso, devemos mantê-la saudável, pondo em prática alguns cuidados.

O nosso tipo de pele é genético. No entanto, as suas características podem ser influenciadas por fatores internos (saúde e emoções) e externos (ambiente).

Assim, a pele é dividida em 4 tipos: normal, seca, oleosa e mista. O estudo do tipo de pele é, fundamentalmente, feito no rosto, com especial atenção à zona T (testa, nariz e queixo).

Conheçe, então, o que define cada tipo de pele e os cuidados a teres para a manter saudável.

TIPO DE PELE NORMAL

pele normal

Uma pele normal é equilibrada, isto é, não é nem muito oleosa, nem muito seca. Porém, em alguns casos, pode aparecer alguma oleosidade na zona T, mas de forma pouco relevante. Uma pele normal identifica-se como:

  • Macia e com poros limpos;
  • Uniforme;
  • Bem hidratada;
  • Tendo cor rosada;
  • Elástica e com boa circulação.

Embora a pele normal nos dê um aspeto saudável, não deixa de precisar de alguns cuidados. Sobretudo, no processo de envelhecimento em que a pele se torna mais sensível. Assim sendo, tem  em atenção estas dicas:

  • Retira sempre a maquilhagem à noite, para não obstruir os poros;
  • Esfolia a tua pele de forma suave e aplica uma máscara, uma vez por semana;
  • Usa um creme que retire brilhos desnecessários;
  • Não espremaa borbulhas ou pontos negros;
  • Bebe água para manter a pele hidratada.

TIPO DE PELE SECA

pele seca

A falta de hidratação e de sebo (gordura) é o que caracteriza a pele seca. Por ter menos sebo que o normal, a pele não tem lípidos suficientes para construir uma camada que a proteja das agressões. Numa fase inicial, a pele seca tem pouca elasticidade e um aspeto áspero e baço. Para além disso, pode repuxar mais facilmente.

Caso a pele seca não seja tratada devidamente, pode evoluir para pele muito seca, ficando:

  • Susceptível a comichão;
  • Com falta de elasticidade;
  • Áspera e com manchas;
  • Tensa;
  • Com maior risco de infeções.

Existem, ainda, casos de pele extremamente seca, onde também são visíveis estes sintomas:

  • Calosidades;
  • Pele vermelha;
  • Cieiro.

Cuida da tua pele e faz uma alimentação saudável. Deixo mais 3 sugestões para que a tua pele volte ao seu brilho anterior.

  • Bebe 2 litros de água por dia;
  • Usa cremes diurnos, que protejam a sua pele dos raios UV;
  • Usa um sérum para hidratar a pele.

TIPO DE PELE OLEOSA

acne

Se na pele seca havia falta de sebo, neste caso, é exatamente o oposto. Isto acontece, muitas vezes, devido a desequilíbrios hormonais, stress, maquilhagem de má qualidade e certos medicamentos.

Uma pele oleosa apresenta normalmente:

  • Poros muito visíveis e dilatados;
  • Pele pálida e mais grossa;
  • Pontos negros;
  • Acne;
  • Brilho.

O acne na pele oleosa pode ser considerado como médio ou grave. O médio apresenta pontos negros, normalmente situados nos ombros, no pescoço, no peito e nas costas.

Algumas dicas para minimizar a oleosidade da pele:

  • Lava a cara com água fria, 2 vezes por dia;
  • Esfolia a pele;
  • Utiliza maquilhagem à base de água e oil free;
  • Consume alimentos com vitamina B e A;
  • Evita usar franja e/ou ter cabelo na cara.

TIPO DE PELE MISTA

pele mista

Este tipo de pele mistura as características da pele normal a seca com as da pele oleosa. As partes mais oleosas têm excesso de sebo, enquanto as secas, falta dele. Sendo assim, a pele mista apresenta-se com:

  • Manchas na Zona T;
  • Excesso de brilho;
  • Bochechas secas ou normais;
  • Poros dilatados com impurezas.

Para restabelecer a humidade e o equilíbrio que a tua pele precisa, deixo alguns conselhos:

  • Usa água morna para lavar a cara;
  • Usa sempre um hidratante;
  • Limpa a pele antes de colocar qualquer produto no rosto;
  • Escolhe um produto apropriado a pele mista.

Já agora: Não esqueça que a exposição prolongada ao sol, os ambientes muito poluídos e o uso do tabaco não contribuem para uma pele saudável.

Espero que tenham gostado,
Até Breve.

BeautifullGirl

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Instagram Beautiful Girl

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D